Informações

População
No início do século XlX, a freguesia de Vila Chã de Braciosa contava com cerca de 338 habitantes e 94 fogos. Em meados desse século, o número de moradores ascendia aos 549, os fogos eram 152. No ano de 1849 registava-se um total de 25 nascimentos.

Decorridos mais de 2 séculos, o número de residentes em Vila Chã de Braciosa é hoje, segundo o Instituto Nacional de Estatística, de 391. Grande parte da população é idosa, devido à desertificação de que a freguesia tem sido vítima, em virtude da partida dos jovens para o litoral do país ou mesmo para o estrangeiro.

Desenvolvimento Económico
Vila Chã de Braciosa é uma freguesia rural em pleno Planalto Mirandês que vive essencialmente da agricultura e pecuária, onde está bem presente o comunitarismo. Aqui ainda é possível admirar a forma artesanal do cultivo da terra, assim como em quase toda a região, embora esta prática esteja a ser gradualmente preterida por outras mais rentáveis e de esforço físico, como a agricultura mecanizada.
O sector primário assume-se, portanto, como o sector predominante na vida económica da freguesia. As culturas principais são os cereais, a vinha, a oliveira e os produtos hortícolas. Para além disso, a população dedica-se à criação de gado. Por outro lado, a carência a nível de serviços públicos, do comércio e da restauração (de que a freguesia beneficiaria se estes existissem) é notória na freguesia.

No que diz respeito ao ensino, usufrui de duas escolas do primeiro ciclo do ensino básico. A Escola E.B. 1 de Vila Chã foi construída em 1931, sendo que, apenas uma parte do edifício está a ser utilizado actualmente pela mesma, que é constituída por uma sala de aula, um corredor e duas salas mais pequenas, utilizadas durante o Inverno, no período, de temperaturas mais baixas. Em toda a freguesia, a escola do primeiro ciclo já não está em funcionamento.